13 Dec 2017, 6:42 pm

CD Review – Dark Tower – “Eight Spears”


CD Review – Dark Tower – “Eight Spears” (Lab 6 Music – nacional) – Nota 9,0

“Enquanto aguardamos o seu novo trabalho, O Fanzine Mosh traz esta resenha, feita por João Calixto, de “Eight Spears”, o último trabalho dos cariocas do Dark Tower. Revelamos aqui, todos os detalhes que fazem parte desse grande álbum de metal extremo nacional.”

Por João Calixto

Ter em mãos um trabalho de qualidade de uma banda nacional, sempre será um grande orgulho para todos nós. E quando essa banda se trata dos cariocas do Dark Tower, esse sentimento se torna muito maior. Os motivos seriam vários, mas acredito que a qualidade técnica de seus componentes e a luta em elevar o nome da banda a patamares de excelência, isso graças a grandeza de suas composições, já seriam suficientes para tal honraria. Neste “Eight Spears”, a superioridade em relação aos seus trabalhos anteriores, confirma tudo que foi citado anteriormente. Chega de papo e vamos a ele. Esse trabalho, demostra bem qual é a proposta do Dark Tower, em relação ao estilo que executam, um Metal Extremo de altíssimo peso, enxertado com bases líricas e passagens de riffs que dão a tônica de todo o trabalho.

O play começa com “Eight Paths – Initiation”, emendando com “Destroy The House of Hashem”, servindo de cartão de visitas para esse excelente álbum. Seguimos com ” Burn the Pyre”, uma das melhores do play e “The Legions Marches On”. Nota -se a total sincronia entre todos da banda, tendo a performance de Flávio Gonçalves nos vocais como parte fundamental na apresentação das músicas. ” Nameless Servants of Damnation” traz a dupla de guitarristas Raphael Casotto e Rafael Morais como o diferencial da composição. Riffs atrás de riffs, mostram um entrosamento de primeira. A próxima é “On Darkest Wings” e seguimos com “Haeretic”. Um ponto positivo para a banda, foi ter publicado vários Lyric Videos de várias músicas do álbum no seu canal no Youtube, destacando as principais músicas nessas publicações. A excelente faixa título é a próxima e o peso da cozinha do Dark Tower dá o tom da música. Composta por Rodolfo Ferreira no baixo e Jean Secca na bateria, a dupla mantém a base para que o álbum tenha o seu peso bem distribuído em todas as músicas. E para a fechar, o grande destaque do play, a excelente “Blood Harvest”, com todo seu peso despejado por toda sua execução.

Entre tantos nomes que hoje fazem parte da legião de bandas que compõem o Metal Extremo Nacional, aponto o Dark Tower como um dos grandes e mais originais dentro do estilo, e se o leitor é daqueles que procuram por destaques dentro da cena, sem abrir mão da qualidade e do peso, o Dark Tower é um nome que você deve conhecer.

 

Band:

Flávio Gonçalves (vocal)
Raphael Casotto (guitarra)
Rafael Morais (guitarra)
Rodolfo Ferreira (baixo)
Jean Secca (bateria)

Tracking list

1. Eight Paths – Initiation
2. Destroy the House of Ha’shem
3. Burn the Pyre
4. The Legion Marches On
5. Nameless Servants of Damnation
6. On Darkest Wings
7. Haeretic
8. Eight Spears
9. Blood Harvest

 

News · Reviews

Postado em dezembro 3rd, 2017 @ 11:11 | 99 views
–> –>


Notícias mais lidas
«
»