15 Oct 2019, 11:20 am

Nightwish: Decades World Tour No Brasil


Nightwish @ Tom Brasil, São Paulo – 28.09.2018

Banda realizou show impecável em noite de casa cheia

Texto e fotos: Renato Jacob

Os finlandeses do Nightwish retornaram mais uma vez ao Brasil nessa última sexta-feira, dia 28 de setembro, para a realização de uma apresentação única na casa de shows Grupo Tom Brasil, em São Paulo. A atual turnê do grupo intitulada “Decades World Tour” revisita sucessos da banda desde a época de sua fundação até os dias atuais e celebra o vigésimo aniversário do grupo. Dada a importância histórica desse show, todos os ingressos foram vendidos poucas horas depois do anúncio dessa apresentação única e especial no Brasil. Uma compilação especial em CD e LP com versões remasterizadas de material original dos oito álbuns de estúdio do Nightwish também integra essa celebração do vigésimo aniversário do grupo de rock finlandês de maior sucesso até os dias de hoje.

 

Delain
A abertura da noite ficou por conta da banda holandesa Delain que atualmente é formada por Charlotte Wessels nos vocais, Martijn Westerholt nos teclados, Otto Schimmelpenninck no baixo, Joey Marin de Boer na bateria e os músicos Timo Somers e Merel Bechtold nas guitarras. A escolha do Delain como banda de abertura foi uma ideia tão acertada que em algumas ocasiões dava a impressão de que boa parte do público estava lá exclusivamente por causa deles, tamanho foi o entusiasmo e a receptividade da plateia ao longo do breve, mas intenso e frenético show dos holandeses. Impossível não ficar atônito perante a presença de palco e o carisma da bela Charlotte Wessels que interagiu com a plateia incansavelmente ao longo de toda a apresentação, além de presentear os fotógrafos com belas poses. Na verdade, todos os músicos se mostraram bastante à vontade no palco e a segurança deles era tanta que até pareciam ser a banda principal da noite. Uma grande surpresa para todos foi o momento em que a figura emblemática do baixista do Nightwish, Marco Hietala, subiu ao palco para dividir os vocais da música “Sing To Me”. Aos fãs do Delain fica a expectativa de que o grupo deverá voltar ao Brasil em um futuro não muito distante para um show como banda principal. Alternativamente, para uma possível terceira edição do Maximus Festival poderia ser uma banda de peso a compor o cast.

 

Nightwish
A atual formação do Nightwish conta com o compositor e tecladista Tuomas Holopainen que é o fundador, líder e principal compositor da banda, o guitarrista Emppu Vuorinen, também da formação original, o multi-instrumentista Troy Donockley (gaita irlandesa, violão guitarra, teclado), a bela cantora Floor Jansen, desde 2013 oficialmente integrando o grupo, o baixista/vocalista Marco Hietala e o baterista Kai Hahto que substitui o baterista original Jukka Nevalainen desde 2014.
O Nightwish entrou no palco com o jogo já ganho e bastou iniciarem o show com a música “End Of All Hope”, que se sucedeu logo após a introdução executada em gaita irlandesa pelo competente músico Troy Donockley, para a plateia incendiar o Tom Brasil e para percebemos logo de início que o público já estava entregue ao show e que claramente aquela seria uma noite especial de celebração ao metal sinfônico e ao power metal. Como supramencionado no início dessa resenha, o propósito dessa turnê é executar algumas músicas que são sucessos bastante consolidados da banda ao longo de sua bem sucedida carreira.

Das 22 músicas que constam na compilação especial lançada pelo grupo em março desse ano (o material é lindo por sinal, especialmente na versão que contém os LPs), o Nightwish executou no show de São Paulo dezessete delas. Dentre essas músicas, obviamente canções dos álbuns Wishmaster (2000), Century Child (2002) e Once (2004), que projetou a banda definitivamente no cenário mundial com a cantora Tarja Turunen ainda integrando o grupo, não poderiam ficar de fora do repertório. Músicas dos álbuns Dark Passion Play (2007) e Imaginaerum (2011) gravados originalmente com a vocalista sueca Anette Olzon e que foram grandes sucessos comerciais do Nightwish também compuseram o extenso setlist. Destaque para a incrível performance vocal, carisma, elegância e presença de palco da cantora Floor Jansen que definitivamente conquistou os fãs do Nightwish nesses últimos cinco anos. Para o show de São Paulo também devemos enaltecer a desenvoltura e personalidade com as quais Floor Jansen interpretou as músicas imortalizadas por suas antecessoras de Nightwish. Diga-se de passagem, esse é um desafio e tanto para qualquer cantora profissional! Duas músicas do álbum Endless Forms Most Beautiful (2015), esse já gravado por Floor, foram executadas e muito bem recebidas pelo público. Próximo ao final do show a banda executou a épica e linda canção “The Greatest Show On Earth”, título do meu livro preferido do biólogo evolucionista inglês Richard Dawkins, que também participa do último álbum proferindo algumas palavras. Isso foi uma grata surpresa para mim! A música de encerramento de um belíssimo espetáculo com mais de duas horas de duração foi “Ghost Love Score” do já mencionado álbum Once. Agradecemos imensamente a THE ULTIMATE MUSIC pela confiança e pelo credenciamento gentilmente cedido. O evento foi uma produção da Dynamo Prod e da Free Pass Entretenimento.

Setlist Delain

  1. Hands Of Gold
  2. Suckerpunch
  3. The Glory And The Scum
  4. The Hurricane
  5. Sing To Me (with Marco Hietala)
  6. Fire With Fire
  7. Mother Machine
  8. Don’t Let Go
  9. We Are The Others

 

Setlist Nightwish

  1. End Of All Hope
  2. Wish I Had Na Angel
  3. 10th Man Down
  4. Come Cover Me
  5. GethsemaneÉlan
  6. Sacrament Of Wilderness
  7. Deep Silent Complete
  8. Dead Boy’s Poem
  9. Elvenjiig
  10. Elvenpath
  11. I Want My Tears Back
  12. Amaranth
  13. The Carpenter
  14. The Kinslayer
  15. Devil And The Deep Dark Ocean
  16. Nemo
  17. Slaying The Dreamer
  18. The Greatest Show On Earth
  19. Ghost Love Score

 

Mosh Live · News

Postado em outubro 8th, 2018 @ 08:57 | 575 views
–> –>


Notícias mais lidas
«
»