28 Jun 2017, 1:59 pm

Avantasia traz Ghostlights para São Paulo


A ópera rock voadora chegou a São Paulo com grandes astros do rock e gravou um dos melhores shows da banda em solo tupiniquim.

Tobias Sammet - Avantasia (Foto: Renato Jacob)

Tobias Sammet – Avantasia (Foto: Renato Jacob)

Por Marcos Franke e fotos Renato Jacob

Um dos melhores projetos de heavy metal de todos os tempos, o Avantasia, veio ao Brasil divulgar seu mais novo álbum Ghostlights (2016) e como presente para os fãs, fizeram a gravação do clipe para a música Draconian Love em solo brasileiro e a gravação do show para um futuro DVD. A fase de Tobias Sammet não poderia ser melhor. Acompanhado dos melhores músicos da cena, o show do Avantasia não poderia ser menos que um dos melhores shows do ano. Com ninguém mais, ninguém menos que Michael Kiske (Unisonic, ex-Helloween), Jorn Lande, Ronnie Atkins (Pretty Maids), Amanda Somerville (Aina), Herbie Langhans (Beyond the Bridge, ex-Seventh Avenue), Oliver Hartmann (Hartmann, ex-At Vance), Eric Martin (Mr.Big), Sascha Paeth, Felix Bohnke (Edguy), Robert Hunecke-Rizzo (Luca Turilli) a tropa Tobias Sammet (Edguy) veio ao Brasil destruir as metas de alguma banda da cena alternativa do heavy metal fazer um show tão épico quanto este.

renatojacob-26-04-Avantasia-008

Com o lançamento Ghostlights (2016), um dos melhores lançamentos do ano, o Avantasia não somente está no topo do Mundo, mas está em sua melhor fase musical. Tobias Sammet, responsável por compor e escrever as letras para o projeto e Sascha Paeth pela ousadia em trazer o projeto aos palcos, fez desta ópera rock um verdadeiro Ode á música. Michael Rodenberg, um dos melhores instrumentistas de nosso tempo, traz com o seu piano a magia que Meat Loaf deixou no passado como na grandiosa abertura do show Mystery of a Blood Red Rose. Impressionante, no entanto é a sempre boa apresentação de Michael Kiske, que sempre se supera em suas interpretações, como em Ghostlights ou Reach Out for the Light – um dos grandes pontos altos do vocalista no show.
Com momentos que abrangem do power metal (Invoke the Machine) com a força de Ronnie Atkins ajudando nos vocais ou até folclóricos como em The Scarecrow, a banda traz a variedade musical á flor da pele e traz outro sentido para sentir, ouvir e vibrar com a música e com os músicos no palco. Oliver Hartmann, mais uma vez, me surpreende, demonstrando por que é um dos músicos mais completos da atualidade possuindo não somente abrangência vocal, mas a capacidade incrível de solar sua guitarra magistralmente. Jorn Lande e sua interpretação inigualável em Lucifer, parece ser o par ideal de Tobias Sammet ao compartilhar os vocais. Arrepiante. Herbie Langhans também teve seus momentos de glória no show, mas a música que realmente destaca seus vocais é Draconian Love, uma das melhores da noite.

Eric Martin traz também a sua interpretação romântica em What´s Left of Me – mostrando por que este ainda é um dos melhores vocais de hard rock de nossa atualidade e uma de suas melhores atuações na noite. Com The Wicked Symphony a banda traz a tona sua grande habilidade de jogar em todos as áreas da cena musical, abrangendo do power metal, hard rock e heavy metal possuindo um dos melhores refrões da noite, cantado por todos no Espaço das Américas. Sascha Paeth, o grande responsável por levar o Avantasia aos palcos, aproveitava cada minuto, principalmente com Amanda Somerville no palco interpretando Farewell – um dos clássicos do primeiro álbum da banda. O show, que durou três horas e meia, não cansava e trazia uma diversidade musical incrível com a variedade da capacidade vocal dos vocalistas que duelavam a cada faixa – em um dos momentos que mais me chamou atenção, na música Shelter from the Rain, Michael Kiske e Tobias Sammet duelavam com suas vozes de tal forma, que os backing vocals absurdos de Amanda Somerville e Herbie Langhans basicamente ficaram baixos demais e mal podiam ser ouvidos.renatojacob-26-04-Avantasia-14 Com a música Let the Storm Descend Upon You, Michael Rodenberg mostrou que seu conhecimento em trilhas de filmes, não foi desperdiçado compondo a música mais forte do álbum Ghostlights. O público presenciou um dos melhores duetos da noite, a de Jorn Lande e Ronnie Atkins com esta música.
Com a interpretação dos clássicos Reach Out for the Light, Avantasia e Twisted Mind, Tobias Sammet liderou outros momentos memoráveis da noite com a participação sempre calorosa do público. A interpretação de Tobias Sammet para The Great Mystery, sem Bob Catley do Magnum, foi um dos momentos mais emocionantes da noite junto com The Story Ain’t Over, música exclusiva do DVD The Flying Opera. A banda terminou seu show com as músicas Lost in Space e uma mistura de Sign of the Cross e The Seven Angels com todos os músicos no palco. Mais uma vez o Avantasia surpreende com um setlist gigante, em um dos momentos mais incríveis da banda. Os que estiveram presentes testemunharam história. Avantasia, sem sombra de dúvida, está mais forte do que nunca e poderemos testemunhar mais shows como estes no decorrer dos anos. Bravo!

SETLIST

Also sprach Zarathustra

Mystery of a Blood Red Rose (Ghostlights)
Ghostlights (Ghostlights)
Invoke the Machine (The Mystery of Time)
Unchain the Light (Ghostlights)
The Watchmakers’ Dream (The Mystery of Time)
The Scarecrow (The Scarecrow)
Lucifer (Ghostlights)
What’s Left of Me (The Mystery of Time)
The Wicked Symphony (The Wicked Symphony)
Draconian Love (Ghostlights)
Farewell (Metal Opera Part I)
Stargazers (Angel of Babylon)
Shelter from the Rain (The Scarecrow)
Let the Storm Descend Upon You (Ghostlights)
Promised Land (Angel of Babylon)

Prelúdio

Reach Out for the Light (Metal Opera Part I)
Avantasia (Metal Opera Part I)
Twisted Mind (The Scarecrow)
The Great Mystery (The Mystery of Time)
Dying for an Angel (The Wicked Symphony)
The Story Ain’t Over (The Flying Opera)

BIS

Lost in Space (The Scarecrow)
Sign of the Cross (Metal Opera Part I)/The Seven Angels (The Metal Opera Part II)

BANDA

Jorn Lande – vocal
Ronnie Atkins – vocal (Pretty Maids)
Eric Martin – vocal (Mr.Big)
Amanda Somerville – vocal (Trillium, Kiske/Somerville, Aina)
Herbie Langhans – vocal (Beyond the Bridge, Seventh Avenue)
Tobias Sammet – vocal (Edguy)
Oliver Hartmann – vocal/guitarra (Hartmann)
Sascha Paeth – guitarra (Produtor,Diversas Bandas)
Felix Bohnke – bateria (Edguy)
Michael Rodenberg – teclado (Kamelot, Rhapsody of Fire)
Robert Hunecke-Rizzo – baixo (Luca Turilli)

 

Mosh Live

Postado em abril 28th, 2016 @ 10:45 | 435 views
–> –>


Notícias mais lidas
«
»