12 Jul 2020, 9:48 am

Mosh Interview: Tonelada


A banda peso pesado do Metal douradense, Tonelada, lançou recentemente seu novo álbum chamado Ignorante, trabalho que é um prato cheio para fãs das linhas mais extremas da música pesada, mais precisamente o Thrash Metal e o Hardcore.

por Adriano Purcino

A banda que vem divulgando fortemente este novo álbum bateu um papo conosco contando um pouco sobre a banda e sobre este novo trabalho.

Confiram.

01 – Saudações a todos, primeiramente, conte nos como vocês se conheceram e como se deu a formação da banda.

E aí! Satisfação imensa estar aqui falando com vocês! Eu (Luan guitarrista) o Paulo (bateria) e o Renan (baixo) já tocávamos juntos numa banda de heavy metal tradicional, fazíamos cover do Iron Maiden e tínhamos algumas músicas próprias também, mas sempre que estávamos juntos trocando idéia, o som que rolava era Sepultura, Pantera, Slayer e coisas do tipo. Essa banda acabou e resolvemos chamar o Jaum (vocal) e montar uma banda que fosse o mais pesado possível, ae nasceu a TONELADA.

02 – O video clip Cria Sua, do EP Grosso, foi inserido no canal da Hardcore World Wide, como foi a recepção do trabalho no canal?

Sempre assistíamos esse canal e comentávamos que um dia nosso som estaria lá! Quando lançamos o clipe da Cria Sua resolvemos, numa madrugada, mandar pra eles via e-mail, quando amanheceu o outro dia o clipe já tava no canal deles e o bagulho foi insano, muitas mensagens e a galera comentando nosso clipe em vários idiomas, a emoção foi foda! E sempre que lançamos algo a galera de lá já posta também, esse tipo de canal e apoio é muito importante para as bandas independentes.

03 – Neste novo álbum, temos 10 faixas de um Metal/Hardcore pesadíssimo seguindo a direção do EP Grosso, porém, indo um pouco além, como foi o processo de composição e as influencias líricas e musicais para a composição desse trabalho.

Cara, o lance principal foi o amadurecimento da nossa proposta musical, com esse trabalho cravamos nossa marca e característica no som, depois de vários shows pelo Brasil divulgando o EP e acontecendo muita coisa massa com a banda, os riffs e idéias foram surgindo a cada ensaio e sempre gravávamos tudo, no EP Grosso nós sabíamos como queríamos soar e ele serviu pra mostrar qual sempre foi a nossa proposta, agora temos uma pancadaria com músicas um pouco mais rápidas, um pouco mais de solos e as letras retratam a realidade brasileira; pobreza, desigualdade social, caos ambiental e corrupção que sempre foram marcas registradas no nosso país e serviu para nos influenciar nos temas das letras.

04 – Vocês estão situados na cidade de Dourados (MS), como é a cena Metal na cidade de vocês?

A cidade é pequena, 200 mil habitantes, mas tem um público foda! Todos os shows de metal da uma galera massa, que compra os merch, paga a entrada e valoriza quem é daqui, temos pouco espaço e lugar pra tocar, o cenário musical daqui é dominado por outros estilos, mas não temos nada a reclamar daqui da cidade, sempre nos apoiaram muito e esse incentivo nos dá muita força pra continuar compondo e gravando!

05 – Como está sendo a recepção dos shows de divulgação deste novo trabalho?

Tá animal! Cada cidade que estamos passando já tem uma galera que conhece as músicas e compra os merch, não esperávamos que seria tão foda assim, isso dá uma puta satisfação e pode crer que iremos continuar fazendo metal e lançando material novo.

06 – Vocês costumam ouvir apenas Metal, ou algum de vocês ouve vertentes fora da linha Rock/Metal?

É uma mistura da porra! haha, Eu (guitarra) escuto muito country, o Paulo (bateria) é viciado em The Beatles, o Renan (baixo) curte muito hardcore novaiorquino e hard rock, o Jaum (vocal) gosta de hardcore melódico, principalmente nacional. Isso traz alguns elementos para a nossa pancadaria!

07 – Os trabalhos de vocês estão disponíveis nas plataformas digitais como Youtube, Spotify e Bandcamp, vocês tem planos de lançar este novo álbum em formato físico?

Sim mano! Esse é um dos próximos objetivos, só não fizemos ainda por conta da parte financeira, que era prioridade gravar, lançar o álbum e fazer clipes. Agora vamos fazer o formato físico porque a galera sempre pede nos shows e ainda tem uma galera que curte ter o trampo em CD.

08 – Agradecemos pela entrevista e aguardamos shows aqui em Curitiba, fiquem a vontade para deixar uma mensagem para os leitores do Fanzine Mosh. 

Nós que agradecemos o apoio de sempre da galera da Fanzine Mosh, muito obrigado mesmo! Esperamos voltar o quanto antes em Curitiba, sempre nos mandam mensagem para tocar aí e é uma cidade que tem um público foda!

Para os leitores da Fanzine Mosh, isso tudo só existe (bandas, shows, organizadores, etc) porque tem uma galera que apoia e valoriza o trabalho, nós da TONELADA estamos muito felizes com a receptividade do nosso novo trabalho e agradecemos de coração quem cola nos shows, escuta nosso som nas plataformas, compra os merch, manda mensagem nas nossas redes sociais com palavras de positividade e apoio ao trampo. Para quem ainda não conhece, estamos em todas as plataformas digitais, se você gosta de um som pesado, curto e grosso será muito bem servido, haha, nos vemos na estrada!

Formação:

Jaum Queiroz: Vocal

Luan Mendes: Guitarra

Renan Gobi: Baixo

Paulinho Torrontegui: Bateria

Discografia:

Grosso (EP) 2014

Ignorante (2019)

Redes Sociais:

Facebook: https://www.facebook.com/toneladaoficial/

Instagram: @tonelada_oficial

Bandcamp: https://tonelada.bandcamp.com/

Spotfy: https://open.spotify.com/artist/5wEleMFIxasEG1vq5ZRo8n

Youtube: https://www.youtube.com/user/toneladaoficial

Cria Sua (Clip Oficial)

Ignorante (Clipe Oficial)

Cria Sua/Maria da Penha (Ao Vivo)

Roots Bloody Roots – Sepultura (Cover by Tonelada)

Interview · News

Postado em abril 10th, 2020 @ 14:53 | 280 views
–> –>


Notícias mais lidas
«
»