19 Oct 2017, 7:37 pm

Rhapsody Se Despede Em Grande Estilo Em Curitiba


Rhapsody @ Opera de Arame, Curitiba – 12.05.2017

por Clovis Roman

Como parte da “20th Anniversary Farewell Tour”, o Rhapsody tocou pela primeira vez e última vez em Curitiba. A despedida dos italianos, entretanto, foi em grande estilo.

A abertura ficou com o Devil Sin, que já abriu diversos shows internacionais. Ou seja, são experientes em shows de grande porte. E mesmo que estejam com uma formação bastante renovada, ainda dominam bem o palco, graças, principalmente, ao vocalista Kevan Gillies. No repertório, estiveram músicas como “Natural Born Killer”, “Dogs of War” e “White Line Madness”. Foi um repertório até que extenso, que entreteu a galera e foi bem recebido no geral.

O show começou com Symphony of Enchanted Lands, o grandioso álbum lançado em 2000, o segundo de sua carreira, em sua íntegra e na ordem. O que por um lado celebra a obra mais famosa dos italianos, por outro tira espaço de outras pérolas da boa discografia que eles registraram nos últimos vinte anos. Deixar de fora pérolas como “Rage of the Winter” e “Flames of Revenge” é quase inadmissível.

Mesmo assim, ouvir o referido disco na íntegra emocionou, e sons como o clássico “Emerald Sword” e a lindíssima “Wisdom of the Kings” valeu a grana investida. No final ainda tivemos a intrincada “Rain of a Thousand Flames”, um dos ápices criativos do grupo, assim como a apoteótica (recurso muito utilizado por eles) “Dawn of Victory” e claro, a fabulosa “Holy Thunderforce’, que encerrou com chave de ouro o repertório do grupo.

O show foi excelente, apesar de que o repertório poderia ter sido um pouco mais extenso. Algumas músicas do álbum de estréia (só rolou “Land of Immortals”) cairiam muito bem. Dos últimos trabalhos a gente sabe que eles são de impacto bem menor, e por isso, sabiamente foram deixados de fora. Nem a segunda parte do Symphony of Enchanted Lands, de 2004, foi lembrada no setlist.

A Ópera de Arame recebeu um público numeroso, que teve a oportunidade de conferir a despedida de um dos maiores expoentes das vertentes mais melodiosas de se fazer Metal. Agora nos resta ouvir os discos e ver shows do Angra, cujo atual vocalista é o mesmo Fabio Lione que roubou a cena esta noite com o Rhapsody.

SETLIST
Emerald Sword
Wisdom of the Kings
Eternal Glory
Beyond the Gates of Infinity
Knightrider of Doom
Wings of Destiny
The Dark Tower of Abyss
Riding the Winds of Eternity
Symphony of Enchanted Lands
Land of Immortals
The Wizard’s Last Rhymes
Dawn of Victory

Rain of a Thousand Flames
Lamento Eroico
Holy Thunderforce
In Tenebris [finale]

Mosh Live · News

Postado em maio 22nd, 2017 @ 20:36 | 265 views
–> –>


Notícias mais lidas
«
»