25 Apr 2017, 6:34 am

CD Review: Rygel – Revolution


Rygel – Revolution (Independente – nacional) Nota: 9,0

https://i1.wp.com/www.wikimetal.com.br/site/wp-content/uploads/2012/10/rygel.jpg?resize=729%2C372

Com 15 anos de estrada, os santistas do Rygel chegam ao seu terceiro álbum com Revolution. O grupo aposta num Metal com riffs pesados e vocais agressivos, mas com diversas passagens que remetem ao Melódico/Prog. Não a toa, eles participaram tempos atrás de um tributo ao Helloween. E nessa mistureba de peso com melodia, aliada a riffs mais técnicos e refrães grudentos (de acordo com o release da banda, para se cantar junto nos shows), a banda se sai muito bem.

Em Revolution, o grupo mostra sons certeiros, que mantém a qualidade apresentada no disco anterior, Imminent, que era cheio de riffs pesadões na linha Dream Theater e Metallica com vocais agressivos e solos melodiosos. Aqui, “Meaning of Life” tem um refrão grudento que só, mas alterna partes melódicas com outras com riffs pesadíssimos, o que deixa a composição meio perdida. Outras, como a abertura “Save Me”, apresentam linhas vocais melodiosas e pungentes, de acordo com o que o instrumental pede. Como referência, pode-se dizer que é um som naquela veia do Metal Sueco, conhecido como Gothenburg Sound, ou Death Metal Melódico. E aqui há outra música, “Repentance”, que tem tudo para se tornar um hit ao vivo. Momento de inspiração total.

Os caras acertaram em cheio ao fazer essa saudável mescla de influências. Não tem como ficar impassível ao som do quarteto, formado por Ricardo Reis (baixo), o novato Pedro Colangelo (bateria) e a dupla de guitarristas Wanderson Barreto e Vinni Savastanno. Barreto também cuida das vozes, e acerta em cheio tanto nas passagens mais limpas (nos refrães ele é praticamente perfeito, como fica mais que evidente em sons como “The Story Begins” e “Before the Dawn”) quanto nas partes em que força a garganta fazendo guturais bacanas.

O esmero ultrapassa as barreiras musicais. O produto é entregue numa embalagem de altíssimo nível, em digipack, acompanhado de um belo encarte. Sem contar que a capa é belíssima. O nome Rygel veio da mais brilhante estrela da constelação de Orion. Seja como corpo celeste nas infinitas profundezas da galáxia, seja como banda de Heavy Metal, Rygel é de fato, um dos maiores destaques do seu cenário.

https://i2.wp.com/www.powerprogmetal.com/wp-content/uploads/2015/11/RygelRevolutionCover.jpg?resize=498%2C498

Revolution tracking list
Save Me
Worst in Me
The Story Begins
Before the Dawn
Mutual Leeching
Meaning of Life
Arisen
Repentance
Burning Remains
Damage Done
This Man

Reviews

Postado em novembro 22nd, 2015 @ 19:19 | 419 views
–> –>


Notícias mais lidas
«
»